perksofclary:

Sem violência? Então não tem graça nenhuma! — suspirou teatralmente, mas sorriu em seguida — Eu adoraria ver, de verdade. Eles aceitam que vocês levem batatas? — riu, apertando a mão dele na sua em seguida — Valeu, Bennie. Você é um ótimo amigo, o melhor deles. — sorriu na direção do garoto antes de olhar pra frente e já ver o centro de treinamento se aproximando, onde algumas pessoas se aglomeravam em volta, o que a fez respirar fundo enquanto se aproximava do local.

Engraçadinha — apertou o ombro dela brevemente — Acho que sim, alguns deles tendem a levar algumas namoradas, apesar de nem todas serem lobisomens, acho que dá no mesmo — deu ombros, enquanto abaixava o braço assim que chegaram ao centro de treinamento — Você só precisa me dizer onde diabos eu tenho que ficar — murmurou para a menina. 

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

perksofclary:

Sério mesmo? Que demais! Mas eu tenho certeza que é só mais uma das coisas que você não me deixaria ver, não é? — olhou-o pelo canto dos olhos rindo baixinho enquanto caminhava — Vão, e tenho certeza que vão arrasar, o que é um saco. Cam treina pra isso o ano inteiro, Cedric está tão vidrado na competição contra o Cam que é perigoso conseguir superar ele esse ano, e então temos eu. Eu me sinto uma batata.

Bom, se você aguentar o resto da sua vida tendo pesadelos com lobisomens, eu posso te levar ese ano comigo, se quiser. Na realidade, não tem nada de violento. São só um monte de caras metidos a lobos contando histórias em volta de uma fogueira. Nada tão emocionante como isso — indicou para frente, como se estivesse se referindo ao local. Riu da comparação da menina depois — Bom, você é a batata mais adorável que eu já vi na vida. E fique calma, Clary, você vai se sair bem, independente de tudo não dar certo, só por estar enfrentando tudo isso você já está indo bem. 

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

perksofclary:

Eu não estou nervosa, eu estou irritada. Acho tudo isso uma perda de tempo. — rolou os olhos, relaxando um pouco ao sentir o braço dele ao redor de seus ombros e acabou rindo baixinho, assentindo com a cabeça — Eu tenho incontáveis causas para ser uma rebelde. Agora vamos, temos que ir para o centro de treinamento. A amostra começa daqui a pouco e eu não quero ninguém gritando comigo por me atrasar — torceu o nariz, caminhando com ele para a saída mais próxima.

Se te deixa mais tranquila, uma vez no ano um bando de lobisomens se juntam também. Não é nada como isso, mas é um lance cheio de garras e brigas de conselho a noite inteira — riu baixo, assentindo para a garota enquanto olhava em volta — Acho que eu nunca vi esse castelo tão cheio desse jeito. Seus irmãos vai participar dessa tal amostra também, não vão?

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

perksofclary:

Está parecendo o Cam falando comigo — torceu o nariz, rindo baixo enquanto andava com ele — Sinto muito por isso. Às vezes esqueço que eles cheiram mal pra você, mas levando em conta que até eu consigo sentir o cheiro, a situação deve ser dez vezes pior para lobisomens — torceu o nariz, olhando em volta — Tô me lixando se ficarem! Eles estão na minha casa, podem se incomodar o quanto quiserem.

Relaxa, se eu focar em alguma coisa eu esqueço o cheiro, você parece um bom foco pra mim. Principalmente pelo fato de estar completamente nervosa — revirou os olhos de maneira teatral e então depois passou o braço que segurava a mão dela pelos ombros da menina, ainda sem soltar sua mão — Certo, senhorita rebelde em causa. E eu não sairia daqui nem se quer se me forçassem, não vou deixar você, ok?!

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

perksofclary:

Mas em nenhuma dessas vezes eu pedi pra você participar de um circo desse tamanho. — Arqueou as sobrancelhas enquanto se afastava, segurando a mão do garoto e já começando a caminhar com ele para um dos corredores. — O castelo está cheio de membros das famílias originais. Você vai ter que suportar o cheiro dos vampiros, um dos originais tem o mesmo odor que dez dos outros…. Sanguessugas, como você diz.

Você deveria levar as suas reuniões de família mais a sério, Clarissa — brincou, deixando-se apenas seguir a menina em seguida — E você acha que eu não sei? Acho que eu comecei a sentir o cheiro antes mesmo de atravessar a ponte — mexeu um pouco o nariz, fazendo uma breve careta com aquilo — A questão aqui é… Se eles não vão ficar… Incomodados comigo, você sabe. 

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

perksofclary:

Havia acabado de colocar a roupa necessária para a amostra quando viu o celular se iluminar em cima da cômoda, e logo pegou-o para ler a mensagem. Soltou um suspiro de alívio enquanto corria corredor afora em direção as escadas, sorrindo ao ver o garoto e descendo até ele. — Por um segundo achei que você tivesse desistido dessa maluquice toda. — Riu baixinho, passando os braços ao redor dele assim que estava perto o bastante.

Voltou a guardar o celular, olhando para todas as direções possíveis até avistar a garota descendo as escadas, sorrindo para a mesma automaticamente e retribuiu o abraço dela quando já estavam perto — Alguma vez nessa vida eu já desisti de alguma coisa relacionada a você? — bufou baixo, mas de maneira teatral — Não seja boba. 

2 weeks ago13 notes • via perksofclary • source grahamwolf

Se sentiu um pouco desconfortável assim que entrou no castelo, e ainda mais com a ideia de que teria que procurar Clary ali, então pegou o celular do bolso e mandou uma mensagem para a menina avisando-a que estava no saguão, esperando que ela pudesse ir buscá-lo. 

2 weeks ago13 notes

perksofclary:

Sentiu um nó se formando em sua garganta e ficou meio inquieta conforme ele falava, voltando o olhar para o garoto novamente e agradecendo mentalmente por ele estar de olhos fechados assim poderia olhá-lo sem que ele notasse aquilo. Engoliu em seco ao final de tudo, ficando por alguns momentos em silêncio enquanto o observava e tentava digerir tudo o que ele havia dito. — Só não voe para muito longe de mim, Bennie. Eu ainda existo… Por mais que não pareça. — soltou um riso amargo, desviando o olhar novamente.

Eu sei que você existe, Clary, você é a única coisa que… — suspirou baixo, engolindo a própria frase ao voltar a abrir os olhos — Só acho que eu tenho medo demais de voar por muito tempo. Sabe o que dizem, se você se acostuma com isso, acaba se esquecendo de colocar os pés no chão novamente. 

1 month ago34 notes • via perksofclary

perksofclary:

Olhou-o pelo canto dos olhos, reprimindo um suspiro. Não gostava realmente de falar daquilo com o garoto, pois a pontada de ciúmes sempre surgia dentro dela, mas a sua curiosidade sempre conseguia falar mais alto que qualquer coisa. — Como é? — perguntou finalmente, voltando o olhar para cima de novo. — Estar apaixonado, quero dizer… O que você sente?

Complicado. Nesse caso eu acho que é complicado — riu de forma baixa, mesmo que não tivesse um humor eminente e fechou os olhos, a única maneira que achou para que não acabasse fitando a garota — Mas é como… Voar. Quer dizer, eu nunca voei, mas eu acho que deve ter essa sensação. De tudo ficando mais leve, de si mesmo ficando mais leve, de ver as coisas de um jeito mais bonito e sincero — mordeu o lábio inferior, ficando quieto por alguns segundos — É outro mundo. Quando eu olho para ela, é como se… Ninguém mais existe, porque ela faz esse trabalho pro mundo inteiro.

1 month ago34 notes • via perksofclary

perksofclary:

Bobagem. As estrelas também são muito distantes, mas elas continuam sendo minhas coisas favoritas no mundo inteiro… Depois de você, é claro. — riu baixinho, deitando-se de costas na manta enquanto mantinha o olhar sobre ele. — Eu não sei quem disse uma vez, acho que foi uma dessas autoras do continente… ”Motivos pra desistir você vai encontrar vários, mas para amar só basta um.” — comprimiu um pouco os lábios, desviando o olhar para o céu. — Você gostar dela.

Riu baixo ao ouvir ela, observando-a pelo canto do olho deitar-se para trás e logo suspirou baixo em seguida, percebendo que tinha travado uma guerra própria entre o polegar e o indicador de uma das mãos — Eu não gosto dela — deitou-se para trás também, ajeitando-se ao lado da menina e ficou fitando o céu, apesar de que não fosse a coisa mais fácil de se ver pela copa das árvores ali — Eu estou perdidamente apaixonado por ela. E isso é o pior.

1 month ago34 notes • via perksofclary

MH